O PAPA A MÉDICOS E ENFERMEIROS: VOCÊS SÃO OS HERÓIS ANÔNIMOS DA PANDEMIA

“Quero estar próximo a todos os médicos e enfermeiros”, afirma o Papa na videomensagem, “especialmente neste momento em que a pandemia nos chama a estar perto dos homens e mulheres que sofrem”.

Vatican News

“Vocês são os heróis anônimos desta pandemia. Quantos de vocês deram a vida para estar perto dos doentes! Obrigado por sua proximidade, obrigado por sua ternura, obrigado pelo profissionalismo com que cuidam dos enfermos.”

Com estas palavras o Papa Francisco expressa sua gratidão a todos os médicos e enfermeiros da Argentina, através de uma videomensagem.

As palavras do Papa foram divulgadas pela Comissão Episcopal para a Pastoral da Saúde, guiada por dom Alberto Bochatey, por ocasião de dois aniversários: no último sábado, 21 de novembro, foi celebrado o “Dia dos Enfermeiros”, coincidindo com a Festa de Nossa Senhora dos Remédios; e na quinta-feira, 3 de dezembro, será celebrado o “Dia dos Médicos”.

“Quero estar próximo a todos os médicos e enfermeiros”, afirma o Papa na videomensagem, “especialmente neste momento em que a pandemia nos chama a estar perto dos homens e mulheres que sofrem”. “Rezo por vocês e peço ao Senhor que abençoe, que abençoe de todo coração, cada um de vocês e suas famílias, e que os acompanhe em seu trabalho e nos problemas que possam encontrar. Que o Senhor esteja junto de vocês, assim como vocês estão junto dos doentes. Por favor, não se esqueçam de rezar por mim”, conclui o Pontífice.

A mensagem de vídeo mostra imagens de profissionais de saúde envolvidos diariamente no cuidado dos doentes: nos hospitais, clínicas e enfermarias, médicos e enfermeiros visitam, cuidam, consolam com seus gestos, suas palavras e seus olhares todas as pessoas que sofrem.

Uma voz, no vídeo, expressa uma imensa gratidão por seu trabalho, dirigindo “uma saudação calorosa e afetuosa a todos aqueles que nos dão uma oportunidade todos os dias”. “Queremos agradecer-lhes por cuidar de nós, por cuidar de nossas famílias e amigos, por cuidar de nossa fragilidade, por cuidar de cada vida. Obrigado por estar perto de nós, por nos alcançar, por nos ouvir, por pensar em nós, por sua coragem, sua dedicação generosa, disponibilidade, serviço abnegado, esforço, por nos acompanhar e apoiar na esperança. Que Deus abençoe e cuide de todos os nossos médicos e enfermeiros hoje e sempre”, conclui a videomensagem. As últimas imagens mostram sorrisos e olhares de alegria e alívio nos rostos de tantos doentes.

Vatican News Service – IP/MJ

FONTE: https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2020-11/papa-medicos-enfermeiros-argentina-herois-anonimos-pandemia.html

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *